Inspirado na Nova História (de Jacques Le Goff) “Prima Luce” pretende esclarecer a arquitectura antiga, tradicional e temas afins - desenho, design, património: Síntese pluritemática a incluir o quotidiano, o que foi uma Iconoteologia
16
Out 22
publicado por primaluce, às 11:30link do post | comentar

... e um mundo de "caixinhas" para tudo!

 

Vejam este episódio.

Vale a pena destacar alguns pontos. Já agora pontos que são indicados ao minuto e ao(s) segundo(s):

No 2' 22'' é referido Galileu e a sua «definição» do Universo. Como se percebe, socorreu-se da Matemática, melhor dizendo, da Geometria para o explicar.

Dizendo que está escrito em Linguagem Matemática:

GalileuIstoéMarematica-7.jpg

Mas logo acrescenta, para que se saiba, que na prática, existe outra linguagem:

GalileuIstoéMarematica-6.jpg

Ora com esta frase - tradutora da linguagem matemática, e das ideias de Platão (dita para os mais comuns mortais) - com ela Galileu lembra-nos que estamos na Terra:

Onde nem todas as mentes são iguais. De tal modo, que alguns fazem questão de tudo diferenciar (milimetricamente), como por exemplo fez um desses - igualmente muito conhecido - chamado Aristóteles, que por acaso até foi seu aluno; embora hoje seja a FCT, quem tem caixinhas para tudo*, podendo ser vista como sua herdeira ou descendente...

É quando o nosso matemático, que afinal também está a explicar o que é a Lógica chega ao minuto 8 (e alguns segundos), com uma mesa cheia de molduras:  

IstoéMarematica-9.jpg

As ditas representam as caixinhas e caixilhos onde tudo é colocado, pelos que, preciosa e milimetricamente fazem questão de tudo diferenciar...

Mas enfim, está certo!

Como poderia ser? Que de outra maneira, se não soubéssemos que há categorias, classes..., e tantas coisas diferentes? Se não soubéssemos que há até a Taxonomia**?

Em suma, é tal e qual como faz a FCT, que ignora as etapas de construção - uma espécie de "making of" -, daquilo que é hoje a Ciência?

E como a seguem, milimetricamente, ...mente, ...mente, ...mente, «as mentes hiper-matemáticas» dos Historiadores de Arte***!

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

* E daqui deseja-se que a FCT dure tantos séculos, ou pelo menos um décimo do tempo em que a Academia de Platão existiu...

**Tantas vezes dada como exemplo, para, por analogia se perceber a Arte?

*** A ponto de se perguntar: será que leram? Da Editorial Estampa (Lisboa 1995), a fantástica tradução da História da Estética, de Raymond Bayer.

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Já agora, um dos temas que interessou (imenso) a Leonardo da Vinci - Squaring the circle - Wikipedia, que, normalmente, dizemos a quadratura do círculo, é um tema predominantemente matemático

Embora saibamos que há autores (lido na Internet, texto anónimo ver no fim) que a propósito do tema "the squaring of the circle and the theory of the lunulae" refiram ainda que, esses mesmos estudos - de enorme produção matemática - se transformavam em jogos geométricos, de uma imensa imaginação, e respectiva produção pictórica.

E embora sabendo pouco de onde vem a informação, e a sua autoria, a verdade é que temos o texto que podem ler a seguir:

"These activities on the lunulae and curvilinear surfaces sometimes give free rein to the pictorial imagination of Leonardo who indulges in real “geometrical games”, as he himself declares. In these games there clearly is a more pictorial will than a mathematical one, even if underneath always lie hidden problems of transformation of rectilinear figures into curvilinear ones, and vice versa: the topic to which Leonardo gave his greatest contribution of all his mathematical production"

SobreLeonardo-textoAnónimo.jpg

Divirtam-se: aproveitando o melhor da Arte, e da Matemática!


mais sobre mim
Outubro 2022
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

18
19
20
21

23
24
25
27
28
29

30
31


arquivos
pesquisar neste blog
 
tags

todas as tags

blogs SAPO