Inspirado na Nova História (de Jacques Le Goff) “Prima Luce” pretende esclarecer a arquitectura antiga, tradicional e temas afins - desenho, design, património: Síntese pluritemática a incluir o quotidiano, o que foi uma Iconoteologia
15
Mai 24
publicado por primaluce, às 12:00link do post | comentar

É verdade, parece-nos que é mais fácil aceitar o passado, e o que nos deixaram (já feito e prontinho) do que criar e inovar

 

Já não dizemos criar ex-novo, até porque não é precioso ir tão longe, mas pelo menos com base nos dados mais fiáveis que nos vêm de trás; incluindo os que a Ciência, antiga e actual, foi/é capaz de produzir (e também de actualizar). 

A nova geração teve contestatários, sim! Alguns, que por se distinguirem até ficaram para a História: a grande e a pequena. 

Mas o resto - a maioria da população - disse sim à incontestabilidade. Como se nada fosse para mudar...

E por aqui chegámos ao hoje: sem grandes sonhos, sem ideias, nem sequer as gerais, mas sempre com a frase feita (tão triste, tão derrotista...), havendo sempre muitos a dizer, a lamentarem-se - "o diabo está nos detalhes" !

Mas por nós , o que vemos (a agigantar-se, e assim talvez capaz de fazer medo?) é o trabalho.

Porque o trabalho é trabalhoso! 

E é com esse que ninguém se quer comprometer, pelo que se tem visto nas últimas décadas ... e como ainda se vê! Incluindo as tarefas mentais, como é a necessidade, premente, de mudar as mentalidades

Como se vê, é mais fácil fugir (emigrar) para outras realidades e sociedades, onde muito já está pronto e organizado, do que querer ficar: com a certeza que é para enfrentar dificuldades. Começando, quiçá, pelo fazer debandar dos muitos arcanos entranhados? Prejudiciais, embora também pareça - 50 anos depois de Abril - que a sociedade mudou muito! Mudou (talvez...), ao mesmo tempo que alguns não mudaram nada!

Enfim, quanto mais se conhece e se domina um assunto - os que passámos a estudar a partir de 2001 (quando já estávamos com 25-30 anos de vida profissional) -, mais esse assunto nos fascina!

Neste caso fascinada com o que a História - ou com detalhes da história, e o que esses podem revelar; desde que olhados com novos olhos e diferentes perspectivas.

Sim, contestando os olhares demasiado antiquados, e por isso incapazes de verem, e de terem abertura para compreender, o que em geral não tem sido visto (e assim continua). 

Em post anterior já ficou uma imagem introdutória para este assunto de hoje, tão novo The Heaven Machinery (*)

Algo que é difícil de definir, possivelmente comparável a um teatro ou drama religioso-litúrgico, criado para envolver, e catequizar, os que dentro das igrejas estariam habitualmente em posturas, predominantemente, de misticismo e oração

Sigam o link (no fim) movendo o mouse e cursores, para que a exibição digital se desenvolva e vá «passando» no écran. Notem as explicações e importância dada à Mandorla

Vasari-Machinery-4.png

(ampliar imagem)

Vasari-Machinery-3.jpg

(*) The Heaven Machinery in the Florentine Theatrical Tradition (artes-exhibition.digital)


mais sobre mim
Maio 2024
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
16
17
18

19
21
22
23
24
25

27
28
29
30
31


arquivos
pesquisar neste blog
 
tags

todas as tags

subscrever feeds
blogs SAPO