Inspirado na Nova História (de Jacques Le Goff) “Prima Luce” pretende esclarecer a arquitectura antiga, tradicional e temas afins - desenho, design, património: Síntese pluritemática a incluir o quotidiano, o que foi uma Iconoteologia
20
Jan 12
publicado por primaluce, às 13:30link do post | comentar

O Gabinete Técnico Local (GTL), tendo à frente a arquitecta Alexandra Gesta, tinha acabado de ganhar o Prémio Europa Nostra, pelo restauro do edifício da 1ª foto

Estávamos então a fazer uma pós-graduação no IST, e no âmbito deste curso houve várias visitas de estudo, em geral acompanhadas por professores do Instituto (e do curso).

Desde então, no IADE, alguns slides dessas visitas - que não foram apenas a Guimarães - passaram a integrar as nossas aulas de Tecnologia de Materiais.

Aproveitava-se assim, em simultâneo, não só para ensinar materiais, mas também para sensibilizar os alunos para os valores do património, relativamente aos quais não estavam, em geral, muito atentos. Situações como a da construção semi-arruinada, que se vê numa das fotografias, eram geralmente mais ricas e expressivas, do que centenas de palavras que se podiam dizer.

Claro que nesses tempos, materiais «tipo pladur» - que devemos designar como «chapas de gesso cartonado» - eram raros. Só existiam nas revistas e na bibliografia, sendo preciso incitar os alunos a que as vissem, e se fossem preparando para o seu aparecimento, por permitirem construir tabiques, ou paredes de pequena espessura. Em alternativa usariam, se precisassem, o que então era comum: chapas de gesso (Estafe Seral - empresa nascida na tradição de Viana do Castelo) com estruturas de alumínio ou madeira (que era, ainda, o mais fácil*).

Da visita a Guimarães ficou-nos sempre uma estranha interrogação relativa às guardas das varandas, que ainda hoje colocamos: mas agora conscientemente: 

Porquê os balaústres de madeira torneada, que influência teriam, para contrariar o que é mais comum em todo o norte? Nas casas de estrutura de granito - e não nas de madeira como é este caso - proliferam as varandas com guardas de ferro forjado (e de ferro fundido), em geral formando círculos e semicírculos, losangos: i. e., a iconografia que temos estudado nos últimos 10 anos (e encontrado os significados antigos). 

 
 
Aqui também a obra de Fernando Távora - Pousada de Santa Marinha da Costa - levou mais de uma década até terminar.

~~~~~~~~~~

*Por que a madeira era mais acessível; e porque os comportamentos higrométricos, do gesso e da madeira, são semelhantes.     


mais sobre mim
Novembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9

12
15
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


arquivos
pesquisar neste blog
 
tags

todas as tags

blogs SAPO