Inspirado na Nova História (de Jacques Le Goff) “Prima Luce” pretende esclarecer a arquitectura antiga, tradicional e temas afins - desenho, design, património: Síntese pluritemática a incluir o quotidiano, o que foi uma Iconoteologia
25
Mai 17
publicado por primaluce, às 00:00link do post | comentar

..., they are the eyes of our century

 

E com estas palavras, ditas e escritas (em português) o autor justificou as formas que tantas vezes preferiu - ou as escolheu...? - para estarem presentes nos seus trabalhos. 

Por isso já escrevemos (em legenda):

"Os olhos de José de Almada Negreiros, são os mesmos que nos oferecem, em cada um - ou em muitos... - dos seus trabalhos, uma verdadeira piscadela de olho!

Cúmplices - em todos os sentidos, divertidos ou até trocistas? (acrescentamos agora) - pelas formas que conseguiu "plasmar" nas suas composições; sinais que no seu século (XX) já muitos estavam a desconhecer o (respectivo) significado antigo, mas que ele ainda usou, ou, até se pode dizer, abusou!"

Acrescentando-se mais: que o fez num registo de imensa modernidade, por estar, propositadamente, «fora dos cânones» do seu tempo (i. e., muito mais à frente). 

Lembre-se que viveu de 1893 a 1970, tendo produzido a maior parte dos seus trabalhos durante o período que hoje se chama Estado Novo.

Ou seja, na mesma época em que a Arquitectura, ainda de sentido tradicionalista (ver na obra de José Manuel Fernandes) ainda estava a utilizar, em estilização e em redução formal, sempre em crescendo, muitos dos mesmos sinais de que Almada fazia uso (da maneira que agora é vista como modernista e vanguardista) *. 

Sinais com raiz nas formas mnemotécnicas (ou, chamamos-lhes os ornamentos) das obras das artes visuais

~~~~~~~~~~

*Sinais que Adolf Loos Loos criticara - como sendo excessivos, em Ornamento e Crime. Sinais e Decoração que Nuno Teotónio Pereira  também repudiou, embora pouco tempo depois no Mov. de Renovação da Arte Religiosa tenha andado à procura dessa mesma ICONOGRAFIA CRISTÃ. É mesmo muito curioso o que se passou: desenvolvimentos contraditórios, mas simultâneos...   

Para Almada - como no Pic-nic da Ínsua (de Moledo), tudo isto valeria uma enorme gargalhada? Muita troça...

DEpois-da-Ínsua-Caminha-2.jpg

(LEGENDA)

E, já agora, como ele, também nós fazemos troça dos que decidiram chatear...Porque andam perdidos, não se encontram, não sabem onde estão!


mais sobre mim
Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
13

15
17
19
20

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes
arquivos
pesquisar neste blog
 
tags

todas as tags

blogs SAPO