Inspirado na Nova História (de Jacques Le Goff) “Prima Luce” pretende esclarecer a arquitectura antiga, tradicional e temas afins - desenho, design, património: Síntese pluritemática a incluir o quotidiano, o que foi uma Iconoteologia
28
Jul 16
publicado por primaluce, às 00:00link do post | comentar

…foi o título do Expresso Curto de ontem (27 de Julho de 2016).

 

A curiosidade é que parece uma frase nossa, a junção de vocábulos do nosso léxico de há uns anos a esta parte. Mas João Vieira Pereira – Diretor Adjunto ainda admite que possa estar enganado: “Bom dia, … Louco? Estarei a exagerar? Deixo que decida por si. Vejamos:…”

Só que no nosso caso há muito tempo que estamos perto de mais (e a observar atentamente) da fonte e da fábrica de muita loucura. Por isso não vemos razões (alguém que demonstre que estamos enganados!) para considerar exagerada a apreciação que fazemos dos ambientes em que frequentemente temos que estar inseridos, ou até (pior) estar imersos…  

Há muito que sabemos, que, com o ensino que se está a fazer, tão e cada vez mais afastado  das realidades (reais) que é verdade, sim, são muito comezinhas, das nossas vidas. Que as passagens ao virtual - como é por exemplo o sem cerimónia com que muitos (se) transformam os corpos. Sim os seus próprios (os de humanos) que, frequentemente ficam repletos de tatuagens com imagens e marcas de um mundo irreal, em geral não contribuindo para uma sã manutenção dos pés na terra…

Ideologias de que se apropriam, integralmente, a ponto de se deixarem transportar para as vidas (intensas, admiráveis) dos seus heróis de novelas, telenovelas, ou das sagas de transformers.

Não teríamos nada contra, não fosse a dose demasiado intensa dessas «vivências de substituição»?  

Claro que toda a vida se sonhou, acordado ou a dormir; claro que se quiseram Utopias, ou, por exemplo Platão descreveu uma Politeia (República)…

Mas, na actualidade, sobretudo com as «desaprendizagens» do que se consideram informações básicas que vão das ciências da natureza às línguas - incluindo aqui o desconhecimento da semântica (para já não falar na grafia, ou menos ainda de alguma percepção, mesmo que vaga relativa à origem etimológica das palavras...); com tão poucas referências (conhecimentos/saberes), lógicas e normais, sólidas e sedimentadas, facilmente se compreende que as pessoas «se passem».    

Que cada um invente o seu próprio mundo, onde as «pontes» para comunicar com os outros são cada vez em menor número: reduzidíssimas:  A lembrar a Torre de Babel (de tempos bíblicos).

Enfim, há muito que o pensamos (bem com os pés na terra), embora só raramente tenhamos escrito sobre loucura (http://primaluce.blogs.sapo.pt/174797.html*), e sobre loucos (http://primaluce.blogs.sapo.pt/richard-perassi-e-o-seu-e-book-274091**).

Por último, e muito ao contrário de João Vieira Pereira (infelizmente) temos demasiadas razões para admitir que a situação ainda vai piorar, antes que alguém tenha a visão e a coragem de aprontar alguns diagnósticos sobre o que se está a passar...

~~~~~~~~~~~~~~~~~

*Neste caso somos nós que admitimos que pareça agora (a todos) uma enorme «loucura» que a Igreja Românico-Gótica tenha sido vista como “uma alegoria da Arca de Noé”. Mas foi, e manda a Ciência que sejamos realistas e saibamos investigar, trazendo ao de cima que se encontrou muito no fundo. Pois é para isso que serve a Investigação das Universidades, que normalmente a deveriam divulgar, em prol do conhecimento e da saúde mental da sociedade...

**Neste outro caso, vemo-nos a nós cheios de sanidade e uma imensa paciência para aturar «um mundo de loucos», que são também (sobretudo) bastante desonestos. E o grave aqui, é que é necessário destrinçar a dose de desonestidade, de uma (só muito aparente) vontade de inovar. Aliás, tão aparente que, torna-se óbvio, que essa vontade de inovar é zero, enquanto a desonestidade andará a rondar os 99%...

E só faltaria esta...?


mais sobre mim
Julho 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
12
14
15

17
19
20
21

24
26
29
30

31


arquivos
pesquisar neste blog
 
tags

todas as tags

blogs SAPO