Inspirado na Nova História (de Jacques Le Goff) “Prima Luce” pretende esclarecer a arquitectura antiga, tradicional e temas afins - desenho, design, património: Síntese pluritemática a incluir o quotidiano, o que foi uma Iconoteologia
18
Mai 12
publicado por primaluce, às 19:00link do post | comentar

Depois de tudo aquilo que nos apercebemos nos nossos estudos dedicados a Monserrate, naturalmente que a esfera do religioso passou a interessar-nos muitíssimo mais.

Não só pelo que se supõe estar na obra de Monserrate, como inclusivamente, pelo que se atribui à arquitectura veneziana: tendo em conta as afamadas Viagens de Marco Pólo para o Oriente. Seriam estas (ou são-no ainda para muitos!) a razão de ser dos Orientalismos que julgam estar nas formas arquitectónicas dos palazzos dos nobres desta cidade*!  

Não se apercebem, todos - ou a maioria ainda não captou esta ideia que muitos estudos recentes têm destacado? - que essas formas da arquitectura são da Europa**? Iconografia que se encontra desde as Ilhas Britânicas (em obras do romanesque), às cidades do Sul de Itália, que ficaram marcadas pela fé (Católica) dos Normandos? Ou, que por vezes também se encontram muito mais a Norte, na região que foi dos Lombardos? 

Baseados nestes imensos erros, houve alguns que entenderam ser muito útil contar a informação plasmada na arquitectura. Ela daria a noção (depois de quantificada) do enorme investimento feito nas obras edificadas ao longo dos territórios europeus. Totalmente contagiados pelas lógicas contemporâneas, não lhes ocorreu que fosse diferente, um tema da Antropologia, e uma questão de Fé? Não ocorreu a necessidade de demarcação entre diferentes Religiões, todas de Livros, todas Monoteístas, e todas com inúmeros pontos de contacto, visíveis, inclusivamente, nos respectivos Estilos.

E de tal modo há interferências, estilísticas, umas nas outras, que alguns autores referem a dificuldade de "...pigeon-hole" (ou de classificar e qualificar, até ao mais ínfimo detalhe...) cada uma das obras, e dos estilos que as referidas imagens criaram. 

Naturalmente que um programa como o de Domingo passado***, por isto, seria imperdível. Mas perdemos. Assim aqui está, caso haja interessados? É de enorme qualidade...

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

*Onde não vêem sinais de nobreza, mas sinais do Oriente. 

** Ler Monserrate, uma nova história, na Introdução, onde destacámos como estes supostos orientalismos, não são do oriente, nem sequer do Médio Oriente. Terão irradiado de Roma? Ou, foram o resultado de opções esquemáticas (mentais, e significantes) dos próprios povos que entrando na Europa se queriam afirmar fiéis à «Fé de Roma»? Começa em: "Quando no fim do trabalho, a Casa de Francis Cook se revela menos exótica, e muito mais Europeia do que o Pavilhão de Brighton, no qual parecia filiar-se..."

***http://www.rtp.pt/play/p57/e81462/camara-clara

http://www.rtp.pt/play/#/?tvprog%3D26603%26idpod%3D77625%26fbtitle%3DRTP

Play - CÂMARA CLARA%26fbimg%3Dhttp%3A%2F%2Fimg.rtp.pt%2Fmultimedia%2Fscreenshots%2Fcclara%2Fcclara_1_20120513.jpg%26fburl%3Dhttp%3A%2F%2Fwww.rtp.pt%2Fplay%2F%3Ftvprog%3D26603%26idpod%3D77625

http://iconoteologia.blogs.sapo.pt/


mais sobre mim
Maio 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
15
16
17

20
21
22
23
26

27
28
30
31


arquivos
pesquisar neste blog
 
tags

todas as tags

blogs SAPO